qui 25/julho/2024 15:18
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura
Foto: Internet

Aprenda a diferenciar os sintomas da dengue e da gripe

redacao
Redação Dia a Dia

Febre, dor de cabeça, mal-estar e fraqueza. Esses são alguns sintomas comuns de várias doenças, a exemplo da dengue e da gripe. Então, como diferenciar as duas enfermidades?

Antes, é importante saber que, embora sejam igualmente causadas por vírus, a transmissão dessas doenças ocorre de maneiras diferentes.

A dengue é causada pela picada da fêmea do mosquito Aedes aegypti. É um inseto doméstico, que vive dentro ou ao redor de domicílios ou de outros locais frequentados por pessoas, como estabelecimentos comerciais, escolas ou igrejas, por exemplo.

Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta, de início abrupto, que geralmente dura de dois a sete dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e nas articulações, além de prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas na pele.

Já a gripe é uma infecção respiratória causada pelo vírus Influenza, mais comumente transmitido durante o período do inverno.

Os sintomas geralmente aparecem de forma repentina, como febre, dor de garganta, tosse, dores no corpo e dor de cabeça.

Geralmente, tem resolução espontânea em aproximadamente sete dias, embora a tosse, o mal-estar e a fadiga possam permanecer por algumas semanas.

Características dos sintomas de cada uma dessas doenças:

Dengue

  • Febre alta;
  • Dor no corpo e nas articulações;
  • Dor atrás dos olhos;
  • Mal-estar;
  • Dor de cabeça;
  • Manchas vermelhas no corpo.

Os sinais de alarme da doença são caracterizados principalmente por:

  • Dor abdominal intensa e contínua;
  • Vômitos persistentes;
  • Acúmulo de líquidos;
  • Sangramento de mucosa;
  • Irritabilidade.

Gripe

  • Febre;
  • Coriza;
  • Dor de garganta;
  • Tosse;
  • Dor no corpo;
  • Dor de cabeça;
  • Dores articulares;
  • Diarreia;
  • Vômito;
  • Fadiga;
  • Prostração;
  • Rouquidão;
  • Olhos avermelhados e lacrimejantes.

Evite a automedicação

O Ministério da Saúde reforça que em caso de suspeita de ambas as doenças é importante aumentar a hidratação e evitar a automedicação.

Além disso, é possível realizar testes para identificar a exata enfermidade e fazer o tratamento adequado.

O diagnóstico correto só pode ser feito pelo médico. Busque assistência na unidade de saúde mais próxima.

Vacinação contra a dengue

A imunização é uma forte aliada para reduzir os casos de dengue no país. Por isso, em dezembro, o Ministério da Saúde incorporou a vacina Qdenga, fabricada pela farmacêutica Takeda, no Sistema Único de Saúde (SUS).

O imunizante é indicado para crianças a partir de 4 anos, adolescentes e adultos até 60 anos, tanto soronegativos como soropositivos para dengue.

No entanto, a pasta decidiu priorizar o grupo de crianças e adolescentes de 10 a 14 anos nesse primeiro momento.

Nas clínicas particulares, a vacina é oferecida para a faixa etária a partir dos 4 anos até 60 anos.

Quanto ao esquema vacinal, as pessoas devem receber duas doses da vacina em um intervalo de três meses.

Fonte: Ministério da Saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

victor-coelho-24-07-2024 (1)

Excelência em gestão: Cachoeiro conquista certificação Safira da Caixa Econômica

capixaba-paris-24-07-2024

Onze atletas capixabas vão brigar pelo ouro na Olimpíada de Paris 2024

Renato-Casagrande-evento-mudancas-climaticas-23-07-2024

Governador participa de evento sobre mudanças climáticas no Rio de Janeiro

cachoeiro-24-07-2024

Cachoeiro vai escolher suas 7 Maravilhas. A votação já começou

publicacao-legal1-30-06

Publicidade Legal 24/07/2024

fenaci-feira-de-negocios-2023-23-07

De palestra com Cafu a gastronomia e shows. Confira a programação da Fenaci 2024

prouni-23-07-2024

Inscrições abertas para o Prouni, com mais de 243 mil bolsas em faculdades

celular4

Governo do ES vai notificar celulares roubados por mensagens via Whatsapp

Leia mais