Foto: Alessando de Paula

Black Friday bomba em Cachoeiro e se consolida entre consumidores

Black Friday bomba em Cachoeiro e se consolida entre consumidores

A Black Friday já entrou para o calendário nacional do comércio e também do consumo. Muitas lojas aproveitaram a ânsia dos consumidores para lançarem promoções mesmo antes da tão esperada última sexta feira de novembro.

Comerciantes também conseguiram se desfazer de produtos estocados com valores mais acessíveis para quem compra. No município de Cachoeiro de Itapemirim, a Black Friday já está entre as datas de maior volume de vendas, se tornando tão importante quanto o Natal e o Dia das Mães.

De acordo com a Câmara de Dirigentes Lojistas da cidade (CDL), o resultado desse período para o comércio local foi positivo. O diretor da CDL Wellington Gama, associa esse crescimento às ações do governo federal e local.

“A gente viu uma ascensão das compras comparado com outros anos, tendo em vista ações do governo, como a liberação do saque do FGTS e outras ações locais, como a renegociação de dívidas, permitindo o nome limpo para ter acesso ao crédito e voltar a consumir”, afirma.

Wellington Gama acredita que o entendimento do conceito da Black Friday por parte dos consumidores também tenha influência no volume de vendas.

“A gente tem observado que quando se falava de Black Friday, como ela é uma linguagem americana, muitas pessoas não entendiam o que era isso. E hoje já se tornou um dia universal, todas as pessoas já sabem que esse é um dia para ir às compras, de fomentar o varejo”, explica.

O diretor da CDL destaca que neste ano também foi crescente o número de compras virtuais, realizadas pela internet, local onde “o consumidor, cada vez, mais tem acesso e segurança ao comprar”.

Wellington Gama explica que a iniciativa de aderir ao Black Friday parte diretamente dos lojistas e que a Câmara não influencia o comércio nesse sentido, “o acesso à informação faz com que o próprio comerciantes veja a necessidade de fazer algo diferente para atrair o consumidor”.

A CDL Cachoeiro ainda não tem informação sobre o quanto foi vendido nesse período.

Perfil de consumo

Por conta dos preços abaixo da média, Wellington Gama ressalta que muitos consumidores nem sempre compram o que têm necessidade. “As pessoas compram aquilo que têm desejo, mas muitas delas também aproveitam a oportunidade do preço baixo”, pontua.

Outra observação é em relação à organização do consumidor para o período da Black Friday. Segundo ele, algumas pessoas reduzem o consumo durante todo o mês para “pisar no acelerador do consumo” na última sexta-feira do mês de novembro.

“Algumas pessoas preferem segurar o consumo no mês de novembro para efetuar as compras que desejam no dia da Black Friday, e na maioria das vezes a pessoa faz o consumo normal no cotidiano e acelera ainda mais nesse período, fazendo compras acima da média de consumo mensal”, completa.

Entre para nosso clube de leitores DiaaDiaES.

Cadastre o seu email e acompanhe todo o nosso conteúdo, além de materiais exclusivos a assinantes.

Nos comprometemos a jamais enviar qualquer tipo de spam para sua caixa de entrada.

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club - Vippark - winyou.club -

Betexper

-
betsatech.com
- Betgaranti giriş - piabet.biz