Fotos: Divulgação

Cachoeirense sobe ao pódio em prova de longa duração de kart

Cachoeirense sobe ao pódio em prova de longa duração de kart

No último fim de semana foi disputada no Kartódromo Internacional de Serra (ES) a prova de longa duração mais famosa do kart capixaba, as “150 Milhas de Kart – Troféu 25 Anos da Assepak”. Quem subiu ao pódio foi o cachoeirense Pedro Sá, de apenas 14 anos.

Com habilidade na pista, ele é atleta do projeto “Nosso Esporte” da Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim e terminou a corrida na 5ª colocação. Ao todo foram 265 voltas, cerca de 240 km de prova.

As equipes são formadas por 2 ou 3 pilotos que se revezam em um kart durante os 240 km e precisam fazer cinco paradas cronometradas de, no mínimo, 5 minutos para reabastecimento de combustível e troca de pneus, no estilo da famosa prova francesa das “24 Horas de Le Mans”.

A disputa contou com 11 equipes de pilotos do Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. O cachoeirense Pedro Sá, 14 anos, e seu parceiro, João Sartório, de 13 anos, formaram a única dupla de menores de idade da competição.

Treino

Antes mesmo da competição, durante os treinos livres, a dupla já percebeu problemas na aceleração do motor, precisando realizar a troca, pois de acordo com Pedro Sá, “o motor não anda na reta. Com ele não dá pra correr”, o que prejudicava os meninos na pista.

Os motores são de 13hp e iguais para todas as equipes. A Assepak disponibiliza 20 motores para serem sorteados entre as equipes e eles podem ser trocados até antes da tomada oficial de tempos. No warm-up (treino oficial), o novo motor estava melhor e o kart ficou competitivo.

O segundo drama da dupla foi durante a tomada oficial de tempo para o grid de largada. Essa etapa foi realizada por João Sartório, que teve problemas com os pneus e obteve a 10ª colocação, penúltima posição no grid de largada. “O pneu laranja é o mais duro do kart e com a pista fria foi difícil aquecê-lo”, disse João Sartório.

Largada

A largada foi no “estilo Le Mans”, em que os karts ficam ligados, os pilotos ficam fora e, dada a largada, correm para eles, entram e aceleram. Iniciada a prova, os meninos começaram a batalha contra pilotos adultos e mais experientes.

A estratégia adotada por Pedro e João era a de serem constantes no tempo de volta, pouparem pneus e não errarem na pilotagem e nas paradas cronometradas de 5 minutos. A dupla cumpriu à risca o plano estabelecido, chegando a ocupar a liderança da prova por três vezes.

Na segunda metade da prova, os garotos passaram a ser mais rápidos que a maioria das equipes e foram avançando na classificação. Faltando 50 voltas para terminar a prova, mantiveram a 5ª colocação, administrando a diferença de uma volta para o 6º colocado e terminaram a prova em 5° lugar, que os fez subir no pódio após 4 horas de corrida.

Ao receber a bandeirada na pista, Pedro Sá comemorou e, ao retornar para o Parque Fechado – onde é feita a fiscalização da pesagem final dos karts -, foi recebido pelo seu colega de equipe João Sartório e comemoraram a conquista inédita.

“Foi cansativo, mas conseguimos! Houve quem não acreditasse que conseguiríamos subir no pódio, pois eu e João corremos toda a temporada 2019 na categoria Sprinter Graduados, que usa motor 2 tempos (125cc) e pneus vermelhos (macios), e nunca fizemos uma corrida tão longa. Tudo foi novidade para nós e mesmo assim conseguimos o pódio”, comemorou Pedro Sá.

“Corremos entre grandes pilotos, mas sempre acreditei que eu e Pedro faríamos uma ótima dupla, pois em 2019 nós conseguimos fazer excelentes corridas entre os pilotos adultos. Ano que vem vamos repetir a dupla”, disse João Sartório.

Ao receber o troféu, Pedro Sá desabafou: “Por ser o único piloto nascido no Sul do Estado nesta corrida, estava um pouco tenso, pois estava representando a minha cidade, Cachoeiro de Itapemirim (onde nasceu), Rio Novo do Sul, cidade que me deu o título de cidadão honorário, todas as demais cidades do Sul e todos os amigos que torcem por mim. O troféu do João Sartório vai ficar na Serra, pois ele é de lá, mas o meu vai direto para o Sul. Ele é nosso! Estamos juntos!”.

Resultado

1° Equipe GS Sports 1
Pilotos: Ariel Varella e Lucas Behague

2° Equipe GTM Racing
Pilotos: Caio Cunha, Anderson Zoboli e Felipe Silvério

3° Equipe GS Sports 2
Pilotos: Gianfranco Sampogna e Ângelo Gabriel

4° Equipe P1 Racing
Pilotos: Victor Borghi e Júlio Augusto

5° Equipe GS Sports 3
Pilotos: Pedro Sá e João Sartório

Entre para nosso clube de leitores DiaaDiaES.

Cadastre o seu email e acompanhe todo o nosso conteúdo, além de materiais exclusivos a assinantes.

Nos comprometemos a jamais enviar qualquer tipo de spam para sua caixa de entrada.

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club - Vippark - winyou.club -

Betexper

-
betsatech.com
- Betgaranti giriş - piabet.biz