Postes estão no meio do asfalto. Foto: Alessandro de Paula

Presidente Kennedy registrou BO e cobra à EDP a realocação de 41 postes

Presidente Kennedy registrou BO e cobra à EDP a realocação de 41 postes
Presidente Kennedy registrou BO e cobra à EDP a realocação de 41 postes
Redação Dia a Dia

Ao todo, o município de Presidente Kennedy possui 41 postes em locais inadequados e que precisam ser realocados pela EDP, distribuidora de energia elétrica responsável pelo serviço no Espírito Santo. A prefeitura afirma que solicita o serviço desde janeiro do ano passado.

Sem uma solução, no dia 25 de maio de 2021, a prefeitura registrou boletim de ocorrência policial para alertar sobre o perigo de acidentes em diversos trechos do município onde há postes próximos a estradas e solicitou providências necessárias o mais breve possível.

O problema veio à tona com os postes na nova rodovia que liga a ES-162 à comunidade de Cabral e à divisa com Itapemirim. Ao longo dessa pista, existem 16 postes – informação anterior da prefeitura eram 11, mas o número foi corrigido – que estão no meio do asfalto, levando perigo aos motoristas.

De acordo com a prefeitura, desde janeiro de 2020 já foram enviados ofícios à EDP para realocação de 51 postes na sede e na zona rural. No entanto, afirma a administração, somente 10 postes foram realocados na localidade de Jaqueira. Os demais 41 aguardam o serviço.

A prefeitura afirmou que sempre antes de iniciar as melhorias, a Secretaria de Obras informa à EDP a necessidade de remoção ou realocação dos postes em tempo hábil durante as obras e efetua o pagamento pela realização do serviço.

No caso dos 16 postes que passam pela comunidade de Cabral a EDP foi informada da necessidade de realocação dos postes em julho do ano passado.

“Apenas no dia 13 de outubro de 2021 a EDP informou por meio de um ofício que o valor estimado para o serviço de realocação e construção da nova rede elétrica era de 290 mil reais, porém não foi encaminhado nenhum boleto bancário para realização do pagamento até a presente data ou informado um prazo para execução do serviço”, disse em nota a prefeitura.

Em nota, a EDP diz que assim que recebe qualquer solicitação do tipo realiza o estudo técnico para o remanejamento dos postes e envia o respectivo orçamento para a parte interessada. Ainda, segundo a nota, tão logo haja aprovação do mesmo, são tomadas as providências para o início das obras.

Na terça-feira (2), a distribuidora emitiu nota sobre os postes que precisam ser realocados na localidade de Cabral.

Disse que assim que recebeu pedido da prefeitura, prontamente iniciou estudo para remanejamento das estruturas e enviou ofício com o orçamento, mas até a presente data, não havia recebido manifestação do município sobre a aprovação.

Afirmou, no entanto, que diante dos riscos associados à liberação do tráfego de veículos na rodovia, fará as obras de realocação dos postes, nesta quinta-feira (4), enquanto aguarda a manifestação da prefeitura na aprovação completa da obra.

Ultimas Notícias
Ultimas Notícias