Valdir recebeu aplausos da equipe do hospital. Foto: Santa Casa Cachoeiro

Covid-19: “Fiz uma família na Santa Casa”, diz paciente após ficar 30 dias internado

Covid-19: “Fiz uma família na Santa Casa”, diz paciente após ficar 30 dias internado
Covid-19: “Fiz uma família na Santa Casa”, diz paciente após ficar 30 dias internado
Redação Dia a Dia

Foram 30 dias de internação em tratamento da Covid-19, sendo 23 deles em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Mas os dias de angústia do paciente Valdir Ferreira Gabriel, de 52 anos, finalmente terminaram nesta quarta-feira (17), quando ele teve alta da Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim. Agora, ele poderá se recuperar em casa junto com a família.

“Esse foi mais um milagre que alcançamos do Senhor que usou as mãos humanas para realizar a cura na minha vida”, disse Valdir, emocionado.

Durante o tempo em que esteve internado, Valdir diz que acabou formando uma família. “Aqui as pessoas trabalham com o coração, com a alma. Só tenho a agradecer a Deus e ao hospital, desde os funcionários da higienização aos médicos que cuidaram de mim”, disse.

Presente

Prestes a comemorar aniversário, ele disse que a alta foi um presente e deixou um recado para a população. “A situação que eu estava era grave. Por isso, se cuidem, usem máscaras, evitem aglomeração porque essa doença não é brincadeira. É uma realidade”, alertou.
Durante os 30 dias de internação, os parentes contaram que teve total apoio da equipe médica, enfermagem e assistência social.

“Foi um momento difícil para nós, mas graças a Deus tivemos essa vitória. Só temos que agradecer a todos vocês. A Santa Casa foi uma família para a gente nessa turbulência que vivemos”, disse a filha do paciente, Valdirene Naygor.

Emoção

De acordo com a direção do hospital, até esta quarta-feira foram registradas 233 altas.

Para o médico Carlos Alberto Marques Aredes, ver alguém recebendo alta e indo para casa é uma vitória. Segundo ele, esse é o resultado de um esforço diário para salvar vidas.

“É uma luta grande. Essa é uma doença nova, mas ver cada paciente indo para casa é motivo de muita alegria para toda a equipe. Receber esse reconhecimento da família é muito importante para nós. Somos uma família e que trabalha unida para conquistar nossos objetivos”, afirmou.

Ultimas Notícias
Ultimas Notícias