As torres caíram no dia 30 de dezembro. Foto: Twitter - Corpo de Bombeiros

Denúncia: caixas d’ água que desabaram viram local de sexo e esconderijo de bandidos

Denúncia: caixas d’ água que desabaram viram local de sexo e esconderijo de bandidos
Denúncia: caixas d’ água que desabaram viram local de sexo e esconderijo de bandidos
Redação Dia a Dia

Os restos das caixas d’águas que desabaram do condomínio residencial São Roque, no bairro Padre Gabriel, em Cariacica, se transformaram em depósito para mosquito da dengue, para prática de sexo e até esconderijo de bandidos.

A denúncia foi feita essa semana pelo síndico do condomínio, Vanderli do Nascimento, para a Comissão de Cidadania da Assembleia Legislativa do Espírito Santo.

Ele e outros síndicos e moradores foram ouvidos pelo presidente da comissão, Luciano Machado (PV), a pedido do deputado estadual, vice-presidente da comissão, Bruno Lamas (PSB).

Em dezembro do ano passado, duas torres d’água de 15 metros de altura desabaram dentro do condomínio em Cariacica, deixando dezenas de famílias desalojadas e matando um trabalhador.

“Os restos das caixas d’ água foram tirados de dentro do condomínio, mas a construtora deixou o material em volta do seu entorno”, afirmou o síndico, que garantiu já ter alertado a construtora responsável.

Segundo ele, a reivindicação dos moradores é que elas sejam retiradas imediatamente porque as crianças veem as caixas como um “parque de diversão”.

No empreendimento, do programa Minha Casa Minha Vida, moram 496 famílias.

Bruno Lamas cobrou providências e teve seus pedidos aprovados pela comissão. “Vamos ouvir as empresas responsáveis na Comissão de Cidadania”, disse o deputado, que não descartou a possibilidade de abrir uma CPI para investigar o problema.

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club - Vippark - winyou.club -

Betexper

-
betsatech.com
- Betgaranti giriş - piabet.biz -

grandbetting güvenilir mi