Foto: Beto Barbosa

Empresários de Mimoso do Sul são vítimas de tentativa de novo golpe

Empresários de Mimoso do Sul são vítimas de tentativa de novo golpe
Redação Dia a Dia

Dois empresários  do segmento de aluguel de máquinas agrícolas, que preferiram não ter o nome revelado, registraram boletim de ocorrência na delegacia de Mimoso do Sul na manhã desta segunda-feira (10) sobre uma tentativa de golpe de que foram vítimas.

Eles são proprietários de retroescavadeiras e prestam serviços em toda a região e foram procurados por um suposto cliente contratando os serviços de ambos.

O primeiro contato teria sido feito no dia seis de janeiro por um homem que se apresentou como Andreas Leal. Ele indicava em detalhes o serviço a ser executado, cinco poços de peixes de tamanho e profundidades diferentes.

O golpista indica o suposto endereço da Fazenda Boa Vista em São Bento, que pertence ao distrito de Conceição do Muqui, em que o trabalho seria feito.

Quando o empresário está se deslocando para o local para avaliar as condições da área, recebe uma nova ligação de “Andreas”.

Dessa vez pedindo que retorne à cidade e faça um pix numa conta para pagamento urgente de uma conta, já que está com problemas no aplicativa e não consegue efetuar a transação bancária.

A promessa aos empresários e de que quando retornassem à fazenda para início da execução do serviço contratado teriam o dinheiro de volta.

A conversa é feita inclusive através de áudios. Como acontece em outros casos, o homem é bem articulado e simpático, sugerindo ser uma pessoa séria e confiável.

“Diante de tanta coisa que vimos todos os dias e dos alertas da polícia eu e meu amigo, que trabalha com a mesma coisa que eu, não caímos no golpe. Mas é bom falar sobre isso para que ninguém seja lesado”, afirmou o homem de 40 anos enquanto se deslocava para a delegacia para fazer a denúncia.

Segundo ele, numa das ligações o homem usou um telefone de prefixo 27 e na outra, 12. Em ambos os números a foto do perfil é de um casal jovem, elegante e muito bem vestido, sugerindo ser bem sucedido.

O número do pix passado pelo golpista é de Michelen Souza Nascimento e os empresários fizeram uma busca rápida pela internet e descobriram que ela tem vários processos por estelionato. O valor pedido “emprestado” foi de R$ 998.

Na delegacia os empresários tomaram conhecimento de que um outro empresário de Mimoso do Sul foi pelo mesmo golpista.

Ultimas Notícias