DiaaDiaES.com.br
Central de Videomonitoramento da Guarda Municipal de Vitória. Foto: PMV

Estado anuncia edital para Cerco Inteligente de Segurança

O governo do Estado anunciou que publicará nesta sexta-feira (6), no Diário Oficial do Espírito Santo, o edital para contratação do Cerco Inteligente de Segurança, uma espécie de cinturão de câmeras de videomonitoramento que irá ajudar as forças de segurança a combater crimes, principalmente o roubo de veículos.

O Cerco Inteligente será implantado em fases, sendo que a primeira dela contemplará os municípios da Grande Vitória e seus limites. Logo após, será expandido para os municípios do interior.

Após a publicação do edital, o certame será realizado no dia 18 de novembro, às 14h, e será admitida a realização de consórcio entre empresas e subcontratação, a fim de ampliar a participação de empresas e garantir a competitividade. A implantação do Cerco Inteligente se dará em até 180 dias após a emissão da ordem de serviço.

O edital do projeto prevê a implantação de uma Central de Análises e Monitoramento, além de pontos de coleta e captura das placas de veículos, atendendo a um total de 1.500 pistas em rodovias de acesso dos 78 municípios capixabas.

A estimativa é de que o investimento no projeto seja de R$ 160 milhões, valor que deverá ser reduzido após a concorrência entre as empresas durante o processo de contratação. O recurso será investido ao longo de cinco anos desde a implantação até a manutenção do Cerco Inteligente.

“Estamos publicando esse edital para incorporar tecnologia no combate à criminalidade. Não é uma tarefa fácil devido a audácia dos grupos criminosos e até pela capacidade de aquisição de armas e equipamentos que os criminosos têm. Por isso, temos que estar um passo à frente e usar a tecnologia para inibir esses atos criminosos. O Cerco Inteligente já é usado na cidade de Vitória e agora será estendido primeiramente para a Região Metropolitana. As faixas de pedestres e balanças de cargas serão monitoradas, bem como toda a vigilância da Fazenda e do Meio Ambiente voltadas à proteção dos capixabas”, explicou o governador Renato Casagrande.

Foto: Hélio Filho/Secom

O diretor geral do Detran-ES, Givaldo Vieira, ressalta que a tecnologia já é uma aliada do órgão e o Cerco Inteligente vai contribuir para aumentar a segurança das pessoas nas vias do Estado.

“Já utilizamos um sistema de inteligência artificial e analítica para fortalecer a identificação, prevenção e o combate às fraudes na estrutura do trânsito nos procedimentos relacionados a veículos, habilitação e infrações. A partir da integração com o Cerco Inteligente, o Detran também terá uma ferramenta qualificada para a criação do Observatório Estadual do Trânsito, pois o sistema tem capacidade de fazer cruzamento de dados e obter informações fidedignas sobre estatísticas do trânsito. Com isso, acreditamos que a tecnologia será uma ferramenta importante para termos também um trânsito mais seguro”, afirmou Vieira.

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho, destacou a importância dessa ferramenta no campo da segurança.

“É uma tecnologia inovadora, moderna, com algoritmos que permitirão a interação com o policial na ponta. Assim, aumentamos a capilaridade da nossa polícia. Com leitor de placa e futuramente com reconhecimento facial, vemos que o governador coloca o Estado no rumo da tecnologia e inovação. Hoje pela manhã já fizemos entrega do Termo Circunstanciado de Ocorrência e agora temos o Cerco Inteligente, que é um avanço fantástico para a sociedade capixaba”, disse.

Como funciona

Em Vitória, o Cerco Inteligente de Segurança começou a funcionar em abril de 2018. Ele monitora 18 pontos de entrada e saída da cidade por meio de 70 câmeras com tecnologia OCR, que faz leitura de placas dos veículos. Todo o videomonitoramento é gerenciado por um software inteligente.

Câmeras do cerco inteligente que operam em Vitória. Foto: PMV

Funciona da seguinte forma: quando o condutor passa por um dos pontos monitorados, a placa do veículo é fotografada e armazenada em um banco de dados.

Quando um veículo é roubado ou furtado e a informação é compartilhada pelas forças de segurança, a Central de Videomonitoramento da Guarda Municipal emite um alerta.

Com isso, a central repassa as informações do veículo, como cor, modelo e trajeto ao Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes), que solicita a abordagem da Guarda e da Polícia Militar.

Carregando....

O site do Jornal Dia a Dia ES pode usar cookies para melhorar sua experiência. Você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Ler mais...

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club
%d blogueiros gostam disto: