sexta-feira - 16 de abril de 2021
Jornal Dia a Dia – Notícias do Espirito Santo e do Brasil
Cuidadora de idosos e mecânico denunciaram o caso à polícia. Foto: Beto Barbosa

Lavrador não aceita noivado da ex, bate em casal e destrói casa em Mimoso

Uma cuidadora de idosos de 31 anos, moradora de Mimoso do Sul, no Sul do Espírito Santo, foi vítima da fúria do ex-marido, um lavrador de 26 anos, que invadiu a casa onde ela estava com o atual namorado, na noite de domingo (18), agrediu os dois e ainda destruiu boa parte dos móveis e eletrodomésticos da residência.

Por motivos de segurança, o jornal não vai divulgar o bairro onde a confusão aconteceu, para preservar os envolvidos. Segundo a vítima, ela está separada do lavrador há cinco anos e vive nesta residência com os dois filhos gêmeos que ela teve com o agressor. Ela tem um namorado, um mecânico de 26 anos, de quem deve ficar noiva no próximo mês.

Agressão com bambu

De acordo com a mulher, o ex-marido arrombou a porta da frente e agrediu o mecânico com um pedaço de bambu enquanto ele estava dormindo. Depois ainda tentou matá-lo com um machado e um facão.

A cuidadora de idosos relatou à polícia que chegou a ser arranhada, arrastada e sufocada pelo agressor. A vítima contou que o lavrador ainda tentou matar os dois meninos de 8 anos, que são filhos dele.

“Estou separada dele há cinco anos. Ele tem outra mulher e não me deixa ficar com ninguém. Estou namorando agora, vou ficar noiva e ele não quer aceitar isso. Meu namorado vem de 15 em 15 dias pra passar o final de semana comigo, e veio neste agora. A gente estava dormindo quando ele destruiu a porta e quebrou um bambu inteiro em cima do meu namorado. Quebrou minha casa toda! Quebrou um ventilador em cima do meu namorado, que saiu pra pedir ajuda. O vizinho tentou separar, meu ex bateu no meu namorado de novo na praça. Aí ele voltou na minha casa e quebrou tudo. Depois foi na casa do meu namorado, quebrou o carro dele com machado”, contou a cuidadora de idosos.

A vítima afirma que não consegue refazer sua vida após a separação porque o lavrador não admite que ela tenha um outro relacionamento.

“Ele destruiu minha casa toda e me bateu também. E ele mora com outra há cinco anos, bate nela também. Ele fala que prefere me ver morta com os filhos dele do que viver com outra pessoa”, disse.
Segundo a vítima, objetos que ela havia comprado para equipar a casa com o auxílio emergencial do governo foram destruídos, incluindo uma TV e uma geladeira.

“O que dá mais raiva é que trabalho de domingo a domingo. Na pandemia estava recebendo o auxílio do governo e tinha conseguido comprar tudo novo pra minha casa: televisão, geladeira, armário, guarda-roupa. Ele quebrou tudo”, relatou.

Lei Maria da Penha

O casal denunciou o agressor na Delegacia de Mimoso do Sul com base na Lei Maria da Penha. A mulher disse que essa não foi a primeira vez que sofreu ameaças e agressões por parte do ex-marido. De acordo com ela, em 2019 ele foi convocado para uma audiência no Fórum da cidade, mas não compareceu. O agressor não foi preso.

“Sempre me ameaçou. E me ameaça agora por causa de pensão alimentícia porque já está assinada a petição, pronta pra sair, e ele está me ameaçando com isso também. Ele está com seis meses de pensão atrasada”, contou.

A cuidadora de idosos disse que vai pedir nova medida protetiva e também proteção para as crianças.

Carregando....

O site do Jornal Dia a Dia ES pode usar cookies para melhorar sua experiência. Você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Ler mais...

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club - Vippark - winyou.club -

Betexper

-
betsatech.com
- Betgaranti giriş - piabet.biz
%d blogueiros gostam disto: