Higor deixou filho de 4 anos. Foto: Redes sociais

Mulher abriu porta para namorado matar e esquartejar ex-marido, afirma polícia

Mulher abriu porta para namorado matar e esquartejar ex-marido, afirma polícia

Uma mulher de 27 anos foi presa no final da tarde desta segunda-feira (23) em Cachoeiro de Itapemirim acusada de ajudar o namorado a matar e esquartejar seu ex-marido, Higor Fabiano Rangel, 24 anos.

A vítima, que completaria 25 anos no dia 14 de agosto, teria sido morta com uma facada e também foi asfixiada dentro da casa onde vivia com a ex-mulher. Parte de seu corpo foi encontrada nas águas do Rio Itapemirim, no dia 28 de abril.

“Ela confessou que depois que ele dormiu, fez contato com o namorado e abriu a porta. O namorado entrou, deu uma facada na vítima e também uma espécie de mata leão”, explicou o delegado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Felipe Vivas.

A mulher, que foi presa no bairro Balminas, é a terceira suspeita detida neste caso.

O namorado dela, um rapaz de 23 anos, foi preso no dia 26 de junho. Ele seria o responsável por matar e desmembrar a vítima.

O segundo suspeito, de 28 anos, amigo do autor, foi preso no dia 29 de junho. Entretanto, as investigações apontam que ele não teve participação.

“Nossa equipe foi até ao local e, conversando com a suspeita, ela assumiu ter participado do crime. Disse que vivia em constantes brigas com a vítima, sendo, inclusive, ameaçada por ela na sexta-feira que antecedeu ao crime, o que despertou a ira do então namorado, ao tomar conhecimento”, contou Vivas.

Segundo o delegado, no momento da execução, o filho da vítima, de quatro anos, estava dormindo no quarto ao lado.

Ainda, de acordo com a polícia, no dia seguinte, por orientação do namorado, a suspeita foi até um comércio e adquiriu cloro e serrinha, que foram utilizados respectivamente para limpar o local e para serrar o corpo de Higor Fabiano Rangel.

A mulher disse que o corpo, após ser desmembrado, foi carregado pelo suspeito por um caminho por trás do pronto-atendimento Paulo Pereira para ser desovado no Rio Itapemirim.

Ela foi conduzida para o Centro Prisional Feminino de Cachoeiro de Itapemirim. A mulher e o namorado, segundo o delegado, vão responder por homicídio doloso.

Entre para nosso clube de leitores DiaaDiaES.

Cadastre o seu email e acompanhe todo o nosso conteúdo, além de materiais exclusivos a assinantes.

Nos comprometemos a jamais enviar qualquer tipo de spam para sua caixa de entrada.

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club - Vippark - winyou.club -

Betexper

-
betsatech.com
- Betgaranti giriş - piabet.biz -

grandbetting güvenilir mi