dom 21/julho/2024 18:57
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Pais presos no Sul do ES por abusar das próprias filhas

redacao
Redação Dia a Dia

Em duas ações distintas, a Polícia Civil de Muniz Freire atuou em dois casos em que os próprios pais foram presos por violência sexual contra suas filhas.

O último caso foi nesta quinta-feira (20), quando foi detido um casal. De acordo com a polícia, o homem de 46 anos é suspeito de estupro de vulnerável, de oferecer bebida alcoólica à criança e importunação sexual. Já a mulher de 52 é investigada por estupro de vulnerável e tortura-omissão.

Segundo o delegado Hélio Flávio Martins, titular da Delegacia de Polícia  de Muniz Freire, o suspeito abusava da filha mediante ato libidinoso diverso. A vítima, uma adolescente de 16 anos, foi abusada desde a infância até os 15 anos.

Ele explicou que foi comprovado, durante as investigações, que em certa ocasião o pai teria forçado a criança a ingerir bebida alcoólica (vinho), durante um churrasco realizado na casa. Além do crime de importunação sexual, destacou o delegado, o pai se deitava-se com a filha para dormir junto, a fim de satisfazer a própria lascívia.

De acordo com o delegado, o suspeito ainda teria torturado a vítima: “Ele privou a adolescente de cuidados de higiene básicos, inclusive com sua higiene pessoal e íntima. Tal fato é suficiente para causar intenso sofrimento físico e mental, pois se trata de aplicação de um castigo pessoal (impedir a vítima de realizar cuidados preventivos básicos) para reprovar/castigar o comportamento da criança”.

Hélio Flávio ressaltou também que na época dos fatos a vítima teria relatado o ocorrido para a mãe, que nada fez para impedir o fato.

“A partir do momento em que mãe, ciente do fato, nada fez, agindo com extrema frieza, também incorreu no crime de estupro de vulnerável, mas na modalidade omissiva. Além disso, também foi indiciada pelo crime de tortura-omissão”, explicou Martins.

Outro caso

Nessa quarta-feira (19), a equipe da Delegacia de Polícia de Muniz Freire prendeu outro homem, de 36 anos, pela prática dos crimes de estupro de vulnerável, violência psicológica e perseguição, no município.

Segundo as investigações, a vítima, uma adolescente de 17 anos, narrou que sofreu abuso sexual pelo pai até os 15 anos. A vítima também sofreu perseguição e está passando por tratamento psicológico.

Com a conclusão do Inquérito Policial, foi formulado o pedido de prisão preventiva nessa terça-feira (18). O Juízo deferiu o pedido nessa quarta-feira (19) e a prisão foi cumprida no mesmo dia.

O suspeito foi conduzido à Delegacia Regional de Venda Nova do Imigrante e já está recluso no sistema prisional.

“É chocante a semelhança entre os fatos relatados e a idade das vítimas. Em conversa com os custodiados, após executarem a prisão, eles negaram a prática dos crimes. Acredito que pensaram que permaneceriam impunes e que a Polícia Civil não os capturaria”, disse o delegado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Alface-credito Arquivo Incaper-20-07-2024

Banestes anuncia R$ 1 bilhão em recursos para Plano Safra 2024/25

professor

Abertas 200 vagas em curso gratuito de pós-graduação em educação à distância

moradores-recebem-geladeiras-20-07-2024

Moradores atingidos pelas chuvas no Sul do ES recebem doação de geladeiras e lâmpadas

moto-apreendida-19-07-2024

Moto clonada é apreendida em Cachoeiro após ser flagrada pelo videomonitoramento

prisao-suspeito-19-07-2024

Preso suspeito de atirar em mototaxista e enfermeiro em Cachoeiro

Hospital-do-Aquidaban-2-e1609786208993

Enfermeiro baleado já havia pedido medida de afastamento. Familiares pedem justiça

acidente-br-482-19-07-2024

Motociclista de 53 anos morre atropelada por caminhão

cao-atendimento-veterinario

Inscrições prorrogadas para cursos técnicos gratuitos

Leia mais