Pastor Geter, que teve um AVC durante culto em Cachoeiro, será sepultado hoje

Pastor Geter, que teve um AVC durante culto em Cachoeiro, será sepultado hoje
Pastor Geter, que teve um AVC durante culto em Cachoeiro, será sepultado hoje
Alessandro Araujo de Paula

O corpo do pastor Geter da Silva, 48 anos, vítima de AVC enquanto participava de um culto, será sepultado nesta quinta-feira, a partir de 11 horas, no cemitério do bairro Coronel Borges, em Cachoeiro de Itapemirim. A informação, divulgada pela igreja que ele participava, é que o velório teria início às 7 horas na capela local.

A morte do pastor teve repercussão em todo o país, pois o culto foi transmitido ao vivo pelas redes sociais e as câmeras registraram o momento em que ele passou mal.

Sua morte sensibilizou toda a população. Geter era uma pessoa popular e, como a maioria do povo, batalhava para sobreviver e manter a família. Sua renda principal era como vigia na Prefeitura de Cachoeiro, mas buscava recursos vendendo picolés e fazendo serviços extras.

Recentemente, montou sua própria fábrica de produção de picolé. Muitas vezes, produzia durante a madrugada, no horário livre. Sua meta era construir sua residência.

Geter participava do culto na igreja Só o Senhor é Deus, cujo pastor presidente é João Amorim, que o convidou para subir ao púlpito e cantar.

Antes de louvar a Deus, Geter deu um testemunho, falou de um momento em que caiu na fé, mas que teve uma segunda chance, agradeceu ao pastor João Amorim, a Deus e começou a louvar, cantando a música “Soldado Ferido”.

Pouco tempo após iniciar o louvor, em um trecho que falava ‘não deixe um soldado ferido morrer’, Geter acabou caindo, perdeu os sentidos, foi acolhido e socorrido por outros irmãos e levado para o hospital.

Primeiro, o pastor foi para a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro. Depois, foi transferido para um hospital de Vitória, onde morreu na terça-feira (19).

 

Abaixo, o momento em que o pastor passou mal na igreja

 

 

Ultimas Notícias
Ultimas Notícias