Pilates promove saúde física e mental, diz fisioterapeuta

Pilates promove saúde física e mental, diz fisioterapeuta

Está cientificamente comprovado que o pilates proporciona saúde física e mental, podendo ser feita por um público bem variado, que vai de atletas a gestantes, bem como  pessoas em reabilitação.

E quem fala mais sobre essa atividade física que pode ser praticada por pessoas de qualquer idade, inclusive por gestantes, é a fisioterapeuta Kelly Zoppé, que mantém um estúdio no bairro Monte Cristo, em Cachoeiro, há cinco anos, e tem alunos assíduos, segundo ela em busca de saúde e qualidade de vida.

Ela destaca que o pilates é um método completo e com uma vasta aplicabilidade, e que seus benefícios são enormes, não apenas na saúde física, mas mental também.

“O pilates é indicado para crianças, adultos, idosos, gestantes e atletas. Ele abrange desde a saúde até a doença, como problemas relacionados à coluna, joelho, ombro, postural, lesões musculares, doenças reumáticas, entre outros”.

A prática é indicada inclusive para grávidas, segundo Kelly. “ O pilates trás inúmeros benefícios para as gestantes, ele prepara e fortalece o corpo para o parto e a chegada do bebê.   Caso seja liberada pelo médico,  a mulher pode fazer do início da gravidez até o parto”, ressalta.

Ela destaca que não tem um número exato de vezes na semana para a prática do pilates. “ Já tive alunos que frequentavam uma vez por  semana e tiveram alívio na dor. Claro que com duas ou três vezes por semana os resultados veem mais rápido, dependendo do objetivo do aluno”.

A fisioterapeuta afirma que logo nas primeiras aulas já é possível perceber melhora na dor, na qualidade do sono, na ansiedade e no alongamento muscular.

“Mas os resultados dependem de cada aluno individualmente, do tipo de lesão com que ele chegou no estúdio, das atividades diárias”, enfatiza.

Solange Regina de Carvalho faz pilates há cerca de quatro anos. Diz que começou por causa de uma dor lombar.

“Na época estava com dificuldade pra subir ruas inclinadas, meu médico disse que era coluna. Eu já tinha feito hidroginástica e ele disse que o pilates ajudaria. Conheci a Kelly e faço duas vezes na semana”.

Segundo Solange, houve diminuição da dor. As que enfrenta, segundo ela, são por erros de posturas e horas de digitação. “Da coluna nunca mais senti dores, tenho uma rotina de vida normal”.

Quem também testemunha os benefícios da prática é Ricardo Sant’ Ana. Ele faz pilates há quatro anos.

“Comecei por recomendação médica, após exames, em razão de dores na coluna lombar. O pilates resolveu meus problemas de dores na coluna, melhorou muito minha flexibilidade corporal. O que mais me faz bem tem sido a qualidade do sono nos dias em que vou às aulas”, ratifica.

E é exatamente o que Kelly Zoppé destaca. “Pilates é mais que exercícios, pilates é saúde e bem-estar,  é vida. É ter resistência e flexibilidade em um corpo de qualquer idade”.

Ela ressalta que infelizmente atende muitos alunos jovens que não têm flexibilidade e mobilidade e vivem doentes.

“Já os idosos que praticam regularmente não sentem as dores típicas da idade”, conclui.

Ultimas Notícias

Entre para nosso clube de leitores DiaaDiaES.

Cadastre o seu email e acompanhe todo o nosso conteúdo, além de materiais exclusivos a assinantes.

Nos comprometemos a jamais enviar qualquer tipo de spam para sua caixa de entrada.

mersin escort bayan - escort eskişehir - Meritroyalbet - nakitbahis.club - Vippark - winyou.club -

Betexper

-
betsatech.com
- Betgaranti giriş - piabet.biz -

grandbetting güvenilir mi