sex 19/julho/2024 06:44
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Sul do Estado registra 3ª morte por febre maculosa em 8 dias, desta vez em Mimoso

redacao
Redação Dia a Dia

Wany Thomaz de Souza, de 23 anos, moradora da localidade do Sossego, zona rural de Ponte do Itabapoana, em Mimoso do Sul, morreu na última quarta-feira (5) de febre maculosa. Esta é a terceira morte pela doença na região sul do Estado em oito dias As outras duas foram em Itapemirim.

A informação foi divulgada pela Prefeitura de Mimoso do Sul, através de sua Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância em Saúde, em seu perfil no Instagram. A mulher era casada e deixa dois filhos.

Segundo Thiago Costa Santiliano, Agente de Endemias e Referência da Vigilancia Epidemiológica Mimoso do Sul, a  contaminação ainda está sob investigação.

Ele conta que tão logo que o setor ficou sabendo do caso conversou com a paciente no hospital. Ela relatou ter sido picada no pé por um carrapato.

“Daí surgiu a suspeita, que foi confirmada após os exames laboratoriais realizados pelo Lacen/ES. A Vigilância do município segue em investigação e monitora os familiares por meio da Estratégia da Saúde da Família do distrito”, esclarece.

Thiago Santiliano diz que a vigilância epidemiológica está em processo de investigação, busca ativa de possíveis novos casos e orientação a todos que frequentam a área de ocorrência da transmissão.

 

 

SAIBA MAIS SOBRE AS OUTRAS MORTES

Carolina Batista Silva, a Carol, moradora de Rio Muqui Pedra, interior de Itapemirim, que é a segunda vítima da febre maculosa, doença transmitida pelo carrapato, morreu na manhã do último domingo (2).

A mulher estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Evangélico Litoral Sul. Ela foi hospitalizada no dia 22 de setembro com dor de estômago, diarreia, vômito e dor de cabeça.

O marido dela, Bruno, que passou mal e foi parar no UPA no dia 19 de setembro, também testou positivo e continua internado no mesmo hospital.

A primeira morte registrada com pacientes do município ocorreu no dia 27 de setembro, na Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro de Itapemirim. A vítima foi o vendedor Antônio Everaldo Rodrigues, 49 anos, o Alagoano.

Segundo levantamento feito até o momento, alguns dias antes de surgirem os primeiros sintomas, Bruno, Antônio e mais três pessoas foram pescar próximo a um rio em uma localidade vizinha, onde há presenças de capivaras e carrapatos.

Também está sendo investigada a possibilidade da doença estar relacionada à carne de uma capivara, que foi consumida por alguns pacientes.

De acordo com a Prefeitura de Itapemirim, foram notificados seis casos suspeitos em Itapemirim, sendo que três foram confirmados e os demais tiveram resultado negativo.

Em nota, a prefeitura ressaltou que “se solidariza com familiares e amigos das vítimas e estima melhoras ao paciente que segue internado”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

material-apreendido-mimoso-18-07-2024b

Polícia apreende arma e mais carga roubada em operação em Mimoso do Sul

rio-itapemirim-ilha-da-luz-17-07-2024

Com nível baixo dos rios, Agência declara estado de atenção de escassez hídrica no ES

mototaxista-baleado-17-07-2024

Passageiro da moto levou 4 tiros. Ele disse que estava sendo ameaçado

Patricia-Pereira-paratleta-17-07-2024

Espírito Santo conquista 25 medalhas no Circuito Loterias Caixa de Natação Paralímpica

CCJ-Senado-17-07-2024

PEC que anistia partidos só deve ser votada em agosto no Senado

tres-presos-furto-carga-mimoso-17-07-2024

Trio é preso em Mimoso do Sul por furtos de carga em caminhões

mototaxista-carona-baleados-17-07-2024

Motociclista e carona baleados na subida do bairro Aquidaban

atleta Edimara Alves

Brasil vence Sul-Americano de Atletismo com capixaba na seleção

Leia mais