Imagem ilustrativa

Três homens são indiciados por morte de mulher transgênero em Rio Novo do Sul

Três homens são indiciados por morte de mulher transgênero em Rio Novo do Sul
Redação Dia a Dia

A Polícia Civil concluiu o inquérito policial que apurou morte de uma mulher transgênero em Rio Novo do Sul e indiciou três homens suspeitos de serem os autores do crime, ocorrido na localidade de Santa Cândida no dia 15 de agosto do ano passado.

As informações apuradas pela Delegacia de Polícia (DP) de Rio Novo do Sul capontam que a vítima, uma mulher transgênero de 27 anos, havia entrado no carro pensando que faria um programa, mas foi levada para uma emboscada e morta a tiros.

As investigações apontaram ainda que os suspeitos acreditavam que a mulher estaria envolvida em um homicídio ocorrido em Rio Novo do Sul, em julho do ano passado. Fato este que não foi provado até o momento.

O titular da Delegacia de Polícia de Rio Novo do Sul, delegado José Augusto Militão, relata que na madrugada do crime um dos envolvidos foi até o local onde ela fazia ponto, se passando por cliente.

“Depois que ela entrou no carro, foi levada para o local da emboscada, onde os outros dois já esperavam para matá-la”, contou

Os três suspeitos de 24, 27 e 31 anos estão no Sistema Prisional respondendo por outro Inquérito Policial, pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

O inquérito sobre o caso foi remetido para a análise do Ministério Público do Espírito Santo (MPES), com o pedido de prisão dos envolvidos.

Ultimas Notícias