sáb 13/abril/2024 04:24
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Alvaro Abreu lança livro de memórias sobre colheres de bambu em Cachoeiro

redacao
Redação Dia a Dia

O cachoeirense Alvaro Abreu lança seu segundo livro de memórias “Viva a Produção Prazerosa – histórias das colheres de bambu” no dia 10 de outubro, das 17h às 21h, no Cervejiiinha Pub e Bar, em Cachoeiro.

Após o lançamento em sua cidade natal, Alvaro Abreu fará lançamentos também em São Paulo, em Vitória, no Rio de Janeiro, Brasília e Goiás, em datas a serem anunciadas.

Na contramão da tendência de digitalização e automação, Alvaro exalta o prazer em produzir com as próprias mãos e com ferramentas bem simples.

O escritor defende que sempre compensa. O texto, escrito em primeira pessoa, é leve, didático e descontraído e  dividido em 14 capítulos e inúmeras croniquetas, com 264 páginas coloridas e ilustradas com ótimas fotografias.

Na obra o autor fala de seu interesse por ferramentas e de sua admiração pelos bambus e apresenta seus métodos de trabalho, suas atitudes, valores e reflexões sobre o fazer bem feito.

Alvaro define a produção prazerosa como um movimento impulsionado por pequenas e grandes emoções, que começam a brotar logo após que se toma a decisão de produzir alguma coisa, qualquer que seja ela.

E afirma que outras emoções vão surgindo sucessivamente, a cada etapa do processo, até que o resultado final se apresente e que a sensação de realização se instale e dure por um bom tempo.

Ao trabalhar sem projetos e livre dos males dos dinheiros e das imposições de normas, padrões e prazos, ele se move pelos prazeres de fazer algo que lhe agrade. Cada peça é única e seu formato resulta da sucessão de golpes e das restrições e especificidades de cada pedaço do bambu.

 

Encantamento

No livro, Alvaro descreve seu processo de trabalho como sendo composto por duas atividades que se sucedem em ciclos, até que a peça seja considerada pronta e acabada: a de descobrir um defeito e a de tentar saná-lo.

Relata também as iniciativas para divulgar o que faz e as surpreendentes consequências do encantamento de algumas pessoas por suas colheres. Compartilhar o que se tenha feito pode gerar desdobramentos impensáveis.

As composições formadas por dezenas de colheres singulares, quando apresentadas em fotos e em exposições, em movimentações que têm envolvido toda a sua família, vêm provocando impacto em muita gente, que se encanta com a variedade de formas e com as texturas do bambu, recurso renovável e abundante.

O livro traz relatos de experiências de expor as colheres de bambu em cidades brasileiras e também da Europa, incluindo oficinas e palestras sobre o prazer de produzir com as mãos.

O autor já expôs suas peças em diversas cidades brasileiras e também na Áustria, Alemanha e Suíça e conta que faz questão de ministrar oficinas de produção de colheres de bambu e de realizar palestras sobre o prazer de produzir com as mãos.

“Compartilhar esta experiência com as pessoas representa uma extensão do prazer que alcanço por meio desta atividade”, observa.

Alvaro frisa que compreende o fazer criativo como uma viagem movida por pequenas e grandes emoções, num processo que se inicia com a vontade assumida de produzir algo e a necessária preparação de materiais e instrumentos.

 

 

 

IPAJM

Beneficiários do IPAJM aniversariantes de janeiro a abril: recadastramento obrigatório termina no fim deste mês

Casa_cultura_Roberto_Carlos_12_04

Mapa do Turismo Brasileiro: Cachoeiro mantém bom desempenho e cumpre 100% dos requisitos

Carreta_tomba_BR101_12_04_2024

Carreta tomba na BR-101 e uma pessoa fica ferida, em Anchieta

Mutirão_limpeza_Mimoso_Sul_11_04_24

Voluntários peregrinos de 8 cidades arregaçam as mangas para limpar Mimoso do Sul

Carros_apreendidos_Marechal_Floriano_11_04_

Carro usado em roubo a estande de tiros é apreendido pela Polícia Civil

Diocese_Estudo_Bíblico_11_04_24

Mês da Bíblia é destaque no 1º Seminário Regional da Animação Bíblica da Pastoral

Projeto_Tamo_Chegando_Cachoeiro_11_04_24

Dia D do “Tamo Chegando” no Zumbi terá apresentação de Teatro Lambe-Lambe

Fazenda_Santa_Casa_Cachoeiro_11_04_24-

Fazenda da Santa Casa vai plantar 20 mil mudas para alimentar pacientes

Leia mais