sáb 18/maio/2024 03:47
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura
Coletiva de imprensa em Cachoeiro. Foto: Alessandro de Paula

Casagrande: “Tenho capacidade de governar o ES tanto com Lula quanto com Bolsonaro”

foto perfil anete3
Anete Lacerda

O governador Renato Casagrande, candidato à reeleição, seu reuniu com jornalista na manha deste domingo (23), antes de cumprir agenda no  bairro Zumbi, em Cachoeiro.

Durante a coletiva de imprensa, destacou várias vezes a sua capacidade de diálogo com as mais diferentes forças políticas  e a sua experiência para gerir o Espírito Santo.

“É preciso ficar claro que não estamos diante de um governo de oito anos. Mas de um novo governo, com novos desafios e nova equipe”, ressaltou.

Outro ponto que o governador ressaltou foi o quanto o Estado avançou nos últimos 20 anos. “Antes, o crime organizado dominava as instituições. Hoje, felizmente, as instituições se impõem sobre o crime organizado. E não podemos retroceder. Caso isto aconteça, em menos de um ano desfarão tudo que foi feito até aqui”, ratificou.

Casagrande abordou também a importância do eleitor capixaba entender que o voto para governador deve ser dissociado do voto para presidente.

“Peço aos eleitores capixabas que pensem o que querem para o Espírito Santo, que olhem para o nosso trabalho, porque hoje o nível de reflexão é este”.

O candidato à reeleição fez questão de apontar também as obras de infraestruta que fez em todo o estado e citou especialmente rodovias importantes que foram construídas na região, e também os investimentos feitos para a área da Saúde, o mais recente a liberação de recursos para a construção do Hospital do Câncer.

 

Redução do ICMS do gás de cozinha e gás industrial

Casagrande assumiu o compromisso de reduzir o ICMS do gás de cozinha e gás industrial de 17% para 7%, “Vamos colocar o gás de cozinha na cesta básica do capixaba  e reduzir o preço do gás veicular para facilitar a vida e reduzir custos dos motoristas de aplicativo e taxistas. De forma permanente. Estamos enviando para a Assembleia a proposta para que isto se concretize “, garantiu.

Dissociação de números

O candidato à reeleição fez questão de dizer que, mais do que nunca, neste segundo turno é preciso votar em projetos e não em números.

“O eleitor capixaba precisa ser muito cauteloso e ter cuidado para que não aconteça no Espírito Santo o que aconteceu no Rio de Janeiro, onde as milícias foram fortalecidas na eleição do governador”.

O governador lembrou mais uma vez a sua capacidade de diálogo, e que já provou saber somar esforços, uma vez que já governou com presidentes de diferentes cores partidárias.

“Independente de quem seja o presidente, os interesses do Espírito Santo sempre foram prioridade, Vou dialogar com todos da bancada federal para continuarmos avançando”, destacou.

Lembrou do bom relacionamento que já mantém com os atuais senadores e deputados federais, o que deverá se repetir com os novos eleitos, fez questão de enfatizar que não terá dificuldade de se relacionar institucionalmente com o senador Magno Malta.

“Se o presidente for o Lula, vamos nos relacionar institucionalmente. Se for o Bolsonaro, da mesma forma. Este é o meu compromisso com a sociedade capixaba. O meu adversário não tem esta capacidade”, afirmou.

 

Segurança pública

Questionado sobre os últimos casos de violência no Estado, o governador reforçou que há uma sensação de insegurança maior, mas que os números apontam que houve queda nos percentuais. ” Os números de homicídios estão 12% menores que o mesmo período do ano passado”, informou.

Segundo ele, a eficiência da polícia capixaba pode ser comprovada nos resultados apresentados após os últimos episódios.

“Prendemos os responsáveis pelo incêndio e depredação aos ônibus, os assassinos dos soldados, os responsáveis pelo sequestro. Infelizmente não há como devolver a vida dos nossos bravos soldados, mas a polícia está atenta. Temos a obrigação e estamos colocando estes criminosos na cadeia”, frisou.

O governador garantiu que os investimentos para dar aos profissionais de segurança capixabas a condições de serem mais resolutivos continuarão sendo feitos.

“Já fiz, faço, e vamos fazer muito mais, com investimentos em tecnologia, efetivo e armas. Nossos resultados têm sido bons porque já começamos estes investimentos”.

Mais de uma vez Casagrande destacou que quando a Le Cocq atuava no estado, o Espírito Santo era o mais violento do país, e que com o trabalho que vem sendo feito, a expectativa é que em breve ele esteja entre os cinco menos violentos do Brasil.

Recursos reservados

Renato Casagrande destacou que todas as obras que foram iniciadas e as planejadas têm recursos para a sua conclusão.

Citou especificamente as rodovias Castelo x Vargem Alta, Castelo X Muniz Freire, e informou que fará, caso seja eleito, a rodovia Iúna x Muniz Freire.

“Avançamos até aqui e vamos continuar de forma muito objetiva, investindo em infraestrutura para atrair novos negócios e gerar emprego e renda para a região”, enfatizou.

Casagrande fez questão de dizer que o risco das obras iniciadas serem interrompidas é grande caso o seu adversário ganhe as eleições.

“Conosco não. Continuaremos fazendo e ampliaremos os investimentos de forma muito objetiva. Só em Cachoeiro fizemos investimentos de R$ 500 milhões”.

 

Segurança institucional ao capixaba

Casagrande assegurou que o objetivo é trabalhar para continuar dando estabilidade institucional ao cidadão capixaba.

“Já provei que tenho capacidade de governar defendendo os interesses do Espírito Santo. Não podemos, em nenhuma hipótese, correr o risco de retrocesso político e financeiro. Temos obrigação de alertar o que está em jogo neste segundo turno”.

 

Desenvolve-ES

Renato Casagrande falou do lançamento da linha de crédito específica para o sul, para igualar a região ao norte e nordeste do estado, tornando-o mais competitivo.

 

Educação

O candidato à reeleição prometeu recuperar os investimentos na Educação, para continuar avançando e superar as dificuldades impostas pelos dois anos de pandemia.

 

Apoio ao comércio

O governador afirmou que está discutindo com entidades do comércio para apoiar os comerciantes. “Sabemos que sofreram na pandemia. E receberão todo o apoio do Governo do Estado”.

Ricardo_Ferraço_Mutrião_Mimoso_17_04_24

Ricardo Ferraço entrega obras e assina ordens de serviço em Irupi, Iúna e Santa Leopoldina

casa-rosa-cachoeiro-17-05-2024

Aconselhamentos e palestras sobre saúde mental para mães e gestantes na Casa Rosa

renato-casagrande-departamento-policia-ny-b-16-05-2024

Governador sinaliza possível acordo de cooperação com o Departamento de Polícia de Nova Iorque

ceasa-16-05-2024

Ceasa abre concurso com 35 vagas e salário de até R$ 8,1 mil

Theodorico Ferraço-01-02

Em carta aberta, Ferraço anuncia sua pré-candidatura para prefeito de Cachoeiro

audiencia-camara-cachoeiro-emprestimo-victor-coelho-16-05-2024 (1)

Audiência pública em Cachoeiro: prefeito esclarece empréstimo internacional e debate com a comunidade

enchente-rio-grande-do-sul-08-05-2024

Parte da tragédia no Rio Grande do Sul foi causada por ação humana, diz pesquisador

qualificar-itapemirim

Abertas mais de 9 mil vagas em cursos gratuitos pelo programa Qualificar ES

Leia mais