dom 3/março/2024 06:15
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Hospital Evangélico promove o Maio Vermelho para alertar sobre câncer de boca

diaadia-image
DiaaDiaES.com.br

Com a proposta de conscientizar e prevenir o câncer de boca, o Hospital Evangélico de Cachoeiro (Heci) promove este mês o Maio Vermelho, uma parceria com o Grupo de Apoio aos Portadores de Câncer de Cachoeiro de Itapemirim (Gapci).

Neste domingo (26), haverá o Segundo Treinão Pela Saúde para chamar atenção à prevenção e ao tratamento da doença. Serão seis quilômetros de corrida, saindo às 7 horas da avenida Beira Rio e chegando a Praça Jerônimo Monteiro.

“Nosso objetivo é promover a saúde através da atividade física e livre de tabaco e álcool”, esclarece o Bucomaxilo do Hospital Valério Resende.

Além do treinão, o Hospital Evangélico e o Gapcci promovem o mutirão de atendimento, que será no dia 31 de maio, no horário de 8 às 11 horas e de 13 às 17 horas, na Praça Jeronimo Monteiro.

“Estaremos fazendo avaliações em toda população dentro ou não da faixa etária de risco, ou seja, homens e mulheres acima de 40 anos que fumam”, explica a bucomaxilo Karla Malta.

A ação visa atender quem tenha alguma lesão na boca e que queira fazer uma avaliação da cavidade oral para ver se tem alguma suspeita de câncer.

Ele alerta que a qualquer sinal de lesão, procure um profissional especializado e faça uma avaliação adequada para que o tratamento seja iniciado o mais rápido possível.

Quem quiser participar do treinão deve procurar, antecipadamente, a Casa de Apoio ao Câncer, que fica na Rua Pedro Quinelato, 58, atrás da Cruz Vermelha, ou no dia do evento.  O valor da inscrição é R$ R$30 e o participante ganha uma camisa.

 

A doença

O câncer de boca, assim como qualquer tipo de câncer, é o crescimento celular descontrolado, gerando células anormais neoplásticas e com capacidade de invadir outros órgãos. Neste caso, acomete a cavidade bucal e os lábios.

Os grandes fatores de risco desta doença estão ligados ao estilo de vida das pessoas. Fumar, consumir bebidas alcoólicas e a má higiene bucal tem sido durante muito tempo os fatores clássicos, mas já se observa um aumento na incidência da doença associada ao vírus sexualmente transmissível HPV.

Os sintomas geralmente são sutis e indolor. Por esse motivo, as pessoas demoram a procurar o especialista e quando o fazem a doença já está em estágio avançado.

Os Sintomas mais comuns são: ferida que não cicatriza em duas semanas, aumento do volume da gengiva ou da língua, sangramento repentino em qualquer lugar do lábio ou da boca, mancha branca e/ou úlcera no lábio, nódulo na boca e/ou no pescoço e desconforto no uso de prótese que já eram usadas.

A prevenção é simples. Basta evitar os fatores de risco e manter sempre uma higiene bucal adequada. Recomenda-se escovar os dentes quatro vezes ao dia, com escova macia, fazendo uso do fio dental. E também, manter uma dieta rica em vitaminas, minerais e proteínas.

Campanha_Dengue

Espírito Santo recebe lançamento de campanha nacional contra a dengue

PM

Idoso é agredido com socos e chutes dentro de casa em Muqui

Cras_Zumbi

Começa nesta segunda programação especial para o mês da mulher em Cachoeiro

governador

Governadores discutem Gabinete de Inteligência no combate à violência

dengue

Cachoeiro realiza Dia D de combate à dengue neste sábado (2)

Acidente

Colisão entre carreta e automóvel mata uma pessoa em Cachoeiro

Primeiro_Comando

Capturado em Cachoeiro integrante de facção criminosa PCC

Dengue_olhos

Dengue: oftalmologista alerta sobre caso de estudante que quase ficou cega

Leia mais