O médico obstetra Manoel Barcelos aposta na esposa Jéssica para a Câmara. Foto: Acervo pessoal

Médico aposta na esposa para renovar a Câmara em Domingos Martins

Médico aposta na esposa para renovar a Câmara em Domingos Martins
Alexandre Damazio

“É preciso saber a hora de parar e abrir espaço para o novo que sempre vem.” Foi com essa frase que o médico obstetra Manoel Barcelos, vereador de Domingos Martins há cinco mandatos e vice-prefeito por quatro anos, anunciou que não vai concorrer nas eleições deste ano.

De forma surpreendente para o mercado político capixaba, Dr. Manoel, como é carinhosamente conhecido na região de montanhas, pretende transferir para a esposa Jéssica Barcelos, filiada ao Podemos, todo seu capital eleitoral.

“Ela é competente, aprendemos um com o outro o tempo todo. Quero tocar minha carreira médico e ajudar a colocar mais vidas no mundo. Cada vida é uma nova família. Quero salvar mais vidas. É a minha vocação, é o que sei fazer de melhor”, afirma com um brilho de certeza nos olhos.

Certeza essa alcançada com uma marca histórica de mais de cinco mil partos realizados ao longo da carreira. “São homens, mulheres, jovens e crianças que ajudei a colocar mundo. Isso tem um valor muito grande para mim”, confessa.

Dr. Manoel é servidor concursado de Domingos Martins, município que faz divisa com Viana, e compartilha com a Grande Vitória problemas parecidos na área de Saúde. Como vereador, Dr. Manoel foi por duas vezes o mais votado de Domingos Martins justamente por conhecer e ajudar minimizar estes problemas.

Sangue novo

Com 28 anos de idade, Jéssica Barcelos cursa Enfermagem e tem acompanhado Dr. Manoel nas diversas visitas aos pacientes pelo interior, conhecendo de perto a realidade martinense. Ela se diz preparada para assumir uma vaga no Legislativo.

“Aprendi muito com meu marido sobre cuidar das pessoas. Quero continuar esse trabalho dele na Câmara e apoiar a decisão de estar mais perto dos pacientes “, afirma Jéssica.
Domingos Martins tem cerca de 26 mil eleitores e 13 vereadores. O anúncio do médico desistindo da reeleição caiu como uma bomba no meio político. A pergunta é: quem herdará esse valioso capital político eleitoral além de sua esposa?

Ultimas Notícias
Ultimas Notícias