seg 4/março/2024 15:18
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Recomeços diários

secreta-luz-30-04-23
Secreta Luz

Adoro recomeços. Aquela sensação gostosa de que tudo vai dar certo. Acho incrível o quanto encontramos forças e esperanças na virada do ano e como somos capazes de deixar, no dia 31 de dezembro, toda dor, desânimo e labutas de um ano todo e acordarmos no dia primeiro totalmente revigorados, como se estivéssemos saindo de um belo spa.

Lembro-me de como contava os dias para a virada de ano. Morava em Brasília e, em meados de novembro, já começava a minha saga atrás de roupa, biquíni e tudo mais que tinha direito. Meu coração se enchia de alegria quando chegava o dia do embarque para Vitória e depois para Marataízes. No último Réveillon que passei lá, tive uma experiência simples, mas que depois de muitos anos fez com que eu ponderasse sobre a forma como enfrentava algumas situações em minha vida.

Eu havia comprado um conjuntinho de saia e blusinha decotada branca cheia de lantejoulas e uma bela sandália dourada de salto. Meus planos eram ir para a casa de Márcio e Sérgio Ribeiro, meus queridos amigos de Muqui, e depois irmos todos juntos para o saudoso Iate Clube. Porém, naquele 31 de dezembro caiu uma tempestade horrível e no caminho eu cai também em uma bela poça de lama. Voltei frustrada para casa, pisando alto e com um dos saltos quebrados na mão. Lembro-me de meu pai rindo e minha mãe sabiamente falando das duas alternativas que eu tinha: a primeira, tomar um banho, trocar de roupa e festejar. E a segunda, enfiar a cara no travesseiro e chorar reclamando a noite inteira. Optei pela primeira alternativa e depois de um belo banho, vesti um short simples, uma camiseta e rasteirinha. Aquela foi uma das melhores noites de minha vida.

Hoje em dia, não ligo de passar a noite da virada com roupa nova ou em festas. Fico imensamente feliz de estar com aqueles que amo, rindo e festejando. A experiência da tempestade e do banho de lama me fez aprender que todos os dias temos a oportunidade de escolher levantar ou simplesmente reclamar. Aprendi que, independente da data do ano, devemos nos renovar de esperanças diariamente. Não preciso da segunda para começar a correr ou fazer dieta ou de ser o último dia do ano para falar eu te amo, vestir algo especial ou colocar uma louça mais bonita para o jantar.

Todo dia é dia de celebrar a vida. Todo dia é o momento de recomeçarmos e demonstrarmos gratidão por todas as nossas vivências. O encanto que a noite de fim de ano nos proporciona pode e deve ter um efeito duradouro, pois todos os dias merecemos uma segunda chance e essa segunda chance, na maioria das vezes, tem que ser dada por nós mesmos.

Então, o que desejo é que possamos vestir o nosso melhor sorriso, encher nossa alma de alegria e o coração de gratidão. Que nossas experiências de 2023 sejam boas memórias e, mesmo aquelas que não sejam tão boas, sirvam de aprendizado. Não quero carregar pedras em minha bolsa enquanto posso carregar flores e desfrutar de seu perfume por toda a minha jornada terrena. Não faço ideia se essa viagem ainda será longa (eu espero que sim), mas quero que seja plena, cheia de sorrisos, de boas histórias, de pessoas amadas, boas conversas e sobretudo, de recomeços. Afinal de contas, recomeçar é sempre preciso, seja em primeiro de janeiro ou em cinco de abril, pois toda a hora é hora de começar alguma coisa e o mais importante, começar por você e para você.

Lembre-se, nós somos os construtores de nossos destinos e somos os únicos responsáveis em fazer esse recomeço valer a pena, dia após dia. Por isso nesse dia não desejo um feliz ano novo e sim uma feliz vida nova, repleta de luz, aventuras e muito amor nessa jornada magnífica que se chama VIDA.

 

Mariana Elmira Lopes Bernardo da Silva. Mãe, mulher, artesã e escritora. Alguém que acredita que a união entre as mulheres salva o mundo
arma

Polícia Militar prende suspeito de tentativa de homicídio em Alegre

Comercio_tiros

Vídeo: Homem invade comércio e atira em duas pessoas em Divino São Lourenço

arte

Cachoeiro promove ações em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

Pe_de_Meia

MEC lança Programa Pé-de-Meia no Espírito Santo

pipa2

Soltar pipa passa a ser considerado esporte no Espírito Santo, mas sem cerol

ponte-madeira-03-03-2024

A ponte

interdicao-br-101-viana-03-03-2024

Manifestantes interditam BR 101 por falta de energia

janela-03-03-2024

Quarto de descanso

Leia mais