sáb 20/abril/2024 04:12
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Varíola dos Macacos: Organização Mundial de Saúde declara emergência mundial

redacao
Redação Dia a Dia

A Organização Mundial da Saúde (OMS) decidiu no último dia 23 declarar que a varíola dos macacos configura emergência de saúde pública de interesse internacional.

O anúncio foi feito pelo diretor-geral da entidade, Tedros Adhanom Ghebreyesus, durante coletiva de imprensa. Segundo ele, há um surto que se espalhou rápido pelo mundo, através de novas formas de transmissão, sobre as quais ainda se entende muito pouco, e que se encaixa nos critérios do Regulamento Sanitário Internacional.

“Por essas razões, decidi que a epidemia de varíola dos macacos representa uma emergência de saúde pública de preocupação internacional”, disse Tedros.

A decisão não foi consensual entre membros do Comitê de Emergência da OMS, mas o diretor-geral decidiu ir adiante com a declaração.

Ele destacou que o vírus tem se espalhado rapidamente por diversos países, o que aumenta o risco de disseminação internacional.

Outra preocupação expressada por Tedros diz respeito ao potencial do vírus de interferir em viagens de um país para outro, como ocorreu com a covid-19. No entanto, a OMS ainda considera o risco baixo.

A varíola dos macacos é uma doença causada por um vírus e transmitida pelo contato próximo com uma pessoa infectada e com lesões de pele.

O contato pode se dar por meio de abraço, beijo, relações sexuais ou secreções respiratórias. A transmissão também ocorre por contato com objetos, tecidos (roupas, roupas de cama ou toalhas) e superfícies que foram utilizadas pelo infectado.

Uma das preocupações da OMS é com o estigma que a doença pode provocar, uma vez que a maioria dos contaminados são homens que se relacionam sexualmente com outros homens, especialmente aqueles com múltiplos parceiros.

“Em acréscimo às nossas recomendações aos países, também chamo as organizações da sociedade civil, incluindo aquelas com experiência no trabalho com pessoas HIV positivo, para trabalhar conosco na luta contra o estigma e a discriminação”, disse Tedros.

 

Casos no Espírito Santo

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) anunciou na sexta-feira (22) que dois novos casos suspeitos de varíola dos macacos estão sendo investigados no estado.

Os pacientes são dois homens com idade entre 30 e 39 anos e apresentam sintomas como erupções cutâneas. O primeiro caso tem histórico de viagem recente ao estado do Rio de Janeiro.

O segundo não se enquadra nas definições de caso suspeito definidas pelo Ministério da Saúde, apesar dos sintomas idênticos apresentados, já que não tem histórico de viagem e/ou contato com caso suspeito e/ou positivo. De todo modo, a Sesa orientou à vigilância municipal que realizasse a coleta das amostras para investigação.

Ambos estão em isolamento e sendo monitorados pela vigilância epidemiológica municipal, que acompanha também os contatos desses pacientes.

 

Fonte: Agência Brasil

Sesa-ES

premobras_19_04_24

Premobras anuncia 100 vagas de emprego exclusivas para moradores de Mimoso

Usina_Biometano_Governador_19_04_24_

Espírito Santo vai receber primeira Usina de Biometano para uso industrial e residencial

Corrida_de_São_Pedro_19_04_24

Garanta sua vaga na 44ª Corrida de São Pedro

Ricardo_Ferraço_Mutrião_Mimoso_17_04_24

Ricardo Ferraço quer crédito barato e com muito prazo para setor comercial atingido pela enchente

Rei_dos_Petiscos08_19_04.24.jpg.

Rei dos Petiscos enfrenta dificuldade para se reerguer após temporal em Mimoso

Termina hoje as inscrições para estágio em 8 cursos de graduação no Ministério Público

Termina hoje as inscrições para estágio em 8 cursos de graduação no Ministério Público

Fibromialgia_PCDs_18_04

Pacientes com fibromialgia passam a ter os mesmos direitos de pessoas com deficiência (PCDs)

cachoeiro

Cachoeiro de Itapemirim sedia Inova ES e Feira de Cidades Inteligentes

Leia mais