dom 21/julho/2024 19:41
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Café da tarde

escritoras-cachoeirenses2-07-01-23
Escritoras Cachoeirenses

A mesa de café da tarde traz lembranças da infância. Mesmo que nem sempre muito farta, a mesa marcava aquela hora sagrada, o momento de se sentar, deixar de lado as distrações, se alimentar e conversar com quem ao lado estivesse. Na minha casa, ou em qualquer outra que eu fosse visitar, na minha infância cachoeirense, entre as 15h e as 16h era a hora do café da tarde.

O tempo corrido de uma vida de estudos e trabalho roubou esse momento dos meus dias, até que veio a pandemia e eu, que passei três anos em trabalho remoto, redescobri esse privilégio. Não aquele café tomado às pressas, de pé, numa copa de espaço apertado, não! Café com mesa posta e tempo de qualidade, degustação e contemplação.

Depois que voltei a trabalhar de forma presencial, me ajusto como posso para não deixar de ter esses momentos no meu tempo livre, mas observo que, mesmo para quem tem horários mais flexíveis, parece que esse hábito vem se perdendo. Os idosos da minha infância não estão mais aqui para ensinar, seus filhos e netos se encheram de ocupações e o tempo de partilhar e contemplar ficou cada vez mais escasso.

Penso que é muito injusto ter que esperar se aposentar para ter qualidade de vida, mas penso, também, que existem ajustes possíveis na nossa vida agitada para termos pausas e não vivermos em modo automático. Cada um deve encontrar sua forma de realizar esses ajustes; para mim, tomar café da tarde já é um bom começo.

Emília Nazaré é uma cachoeirense adotiva, passou a infância na cidade, cresceu no Rio de Janeiro alimentando o sonho de um dia voltar, e retornou ao ES em 2020. Atualmente, reside na Grande Vitória. Escreve desde a infância e já teve publicações em diferentes formatos

Respostas de 6

  1. Prima Emilia…. Plenamente de acordo com vc. Não é necessário esperar um dia , data para tomar um café. E um café da tarde sempre vai muito bem. Adoro um café colonial e se tiver um suco de laranja aí nem mais o que dizer. Obrigado por nos trazer essa reflexão e chamamento a algo tão especial pra todos os dias da vida.

  2. Boa reflexão, é preciso aproveitar cada momento e não deixar para amanhã. Parabéns prima pela temática, vc sempre arrasa.♥️

  3. Mesmo com tempo corrido procuro manter esse hábito do café da tarde. Entre um trabalho e outro , recebo meus amigos mais próximos e já aviso pra chegar + – as 16:30/17h , pq assim o café dura mais tempo . Amei seu texto! Bjs Emília.

  4. Amei o texto Emília! Tá ai uma coisa que não deixo de parar , sentar e tomar um cafezinho passadinho na hora. Já aviso os amigos pra chegar 16:39/17h. Pq assim o cafezinho dura mais tempo kkkk. Bj Emília

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Alface-credito Arquivo Incaper-20-07-2024

Banestes anuncia R$ 1 bilhão em recursos para Plano Safra 2024/25

professor

Abertas 200 vagas em curso gratuito de pós-graduação em educação à distância

moradores-recebem-geladeiras-20-07-2024

Moradores atingidos pelas chuvas no Sul do ES recebem doação de geladeiras e lâmpadas

moto-apreendida-19-07-2024

Moto clonada é apreendida em Cachoeiro após ser flagrada pelo videomonitoramento

prisao-suspeito-19-07-2024

Preso suspeito de atirar em mototaxista e enfermeiro em Cachoeiro

Hospital-do-Aquidaban-2-e1609786208993

Enfermeiro baleado já havia pedido medida de afastamento. Familiares pedem justiça

acidente-br-482-19-07-2024

Motociclista de 53 anos morre atropelada por caminhão

cao-atendimento-veterinario

Inscrições prorrogadas para cursos técnicos gratuitos

Leia mais