qua 19/junho/2024 21:05
Pesquisar
Close this search box.
Capa
Geral
Cachoeiro
Política
Oportunidade
Saúde
Educação
Economia
Agro
Segurança
Turismo
Esporte
DiaaDiaTV
Publ. Legal
Mundo Pet
Cultura

Três pessoas recebem título de Patrimônio Vivo pela Lei Mestre João Inácio

redacao
Redação Dia a Dia

A Prefeitura de Cachoeiro concedeu a mais três representantes da cultura popular o título de Patrimônio Vivo do Município pela Lei Mestre João Inácio de Incentivo à Cultura. Com esses três, somam-se 22 títulos num total máximo de 40, conforme prevê a lei.

Foram contemplados Patrícia Aparecida da Conceição Ladislau (Contramestra “Ligeira”), Diogo Sant’anna Fardin (Mestre Bulldog) e Rodimar Monteiro Vieira (Mãe Rodilene de Oyá).

A habilitação é concedida a pessoas maiores de 40 anos, e que comprovem atuação de mais de 20 anos na área cultural e residência na cidade pelo mesmo período.

Tanto o título de patrimônio vivo, quanto o recebimento anual de 300 UFCI (Unidade Fiscal de Cachoeiro de Itapemirim), são direitos vitalícios – no caso do benefício em dinheiro, é preciso apresentar o requerimento anual, com comprovação de atividades, até o último dia útil de abril.

Quem são os contemplados

A Contramestra “Ligeira” tem atuação junto à Associação de Capoeira Navio Negreiro, é capoeirista há 26 anos e foi a primeira mulher graduada como contramestra no Sul do Espírito Santo.

Já o Mestre Bulldog tem experiência de mais de 20 anos transmitindo conhecimentos de capoeira, maculelê e samba de roda em ações comunitárias.

A Mãe Rodilene de Oyá, por sua vez, teve sua habilitação referendada neste mês de agosto, o mês do Folclore Brasileiro.

Ela tem mais de 40 anos de vivência em manifestações de matriz africana, tendo sido iniciada na Umbanda, na infância, e no Candomblé, na fase adulta – é a primeira pessoa com atuação diretamente relacionada a religiões de matriz africana incluída na Lei Mestre João Inácio.

Fernanda Martins, secretária municipal de Cultura e Turismo, enfatiza que as manifestações populares têm um papel importantíssimo na constituição das tradições culturais de Cachoeiro e que a Lei Mestre João Inácio é fundamental para a valorização dessas práticas, historicamente marginalizadas e ainda vistas com muito preconceito por algumas pessoas.

“É muito gratificante garantir o pagamento desse benefício, em um momento de muita dificuldade para o setor cultural por conta da pandemia”, destaca.

 

Lei Mestre João Inácio

Criada em 2002 e reformulada em 2019, a Lei Mestre João Inácio visa reconhecer pessoas com atuação destacada na cultura popular com o título de Patrimônio Vivo do Município de Cachoeiro de Itapemirim.

A lei estabelece o limite de três pessoas reconhecidas como patrimônios vivos por ano e 40 no total. A avaliação dos requerimentos é feita pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semcult), junto ao Conselho Municipal de Política Cultural (CMPCCI).

Com isso, o município contribui para a valorização e continuidade das atividades da cultura popular, que tem nos mestres e mestras os principais agentes de perpetuação das tradições.

A Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim já realizou os pagamentos da Lei Mestre João Inácio de 2021. O valor total investido foi de R$ 101.694.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pintor-eletrocutado-nova-brasilia-19-06-2024

Pintor é eletrocutado enquanto trabalhava em igreja no bairro Nova Brasília

Justiça suspende vídeos de youtubers que atuam na área policial

Justiça suspende vídeos de youtubers que atuam na área policial

festa-junina-quadrilha-18-06-2024

Começa a Feira São João Art’s na Praça em Cachoeiro. Confira a programação

bomba-costal-dengue-13-06-2024

Queda de 77% nos casos confirmados de dengue em Cachoeiro

festa-sao-pedro-cachoeiro-18-06-2024

Festa de São Pedro 2024 traz novidades na programação religiosa

denguees

Brasil se aproxima de 6 milhões de casos e 4 mil mortes por dengue

colegas-estudando-juntos-para-um-exame-18-06-2024

Governo abre mais de mil vagas em cursos técnicos gratuitos, sendo 420 no Sul do ES

violencia-03-06-2024 - 1

Tio preso por abusar de sobrinha de 12 anos em Muniz Freire

Leia mais