Os que nasceram como um verdadeiro presente de Natal

Os que nasceram como um verdadeiro presente de Natal
Redação Dia a Dia

Maria de Oliveira Lacerda faz aniversário no dia 25 de dezembro. Quando nasceu o pai sugeriu que fosse batizada de Natalina, mas a mãe não gostava do nome e recusou a sugestão.

Mas para não deixar que esquecessem a data do nascimento no dia do aniversário de Jesus Cristo, ela foi batizada de Maria Natal de Oliveira num tempo, na roça, em que as comemorações não eram tão comuns.

Hoje, próxima de completar 81 anos, ainda conta que ao se casar, ao invés de simplesmente acrescentarem o sobrenome do marido, tiraram o Natal do seu nome.

Segundo ela, chorou por meses em função do que considerou perda de identidade, já que gostava muito do nome completo, embora as pessoas não entendessem o motivo de suas lágrimas.

Hoje é chamada de Maria Natal pelos amigos antigos, e pela família, quando quer animá-la sobre a data natalícia que se aproxima.

Nesse Natal, mais uma vez cercada do carinho dos filhos, noras, genros e netos, comemora mais um aniversário, fazendo questão de lembrar que é sim, Maria Natal.

 

 

Vagner Valério Aloquio, o Vaguinho, nascido em Apeninos, Castelo, e que completa 47 anos neste Natal, não sabe dizer se fazer aniversário no dia do nascimento de Cristo o fez o homem de fé que é, mas que a fé é adquirida a cada dia que se aprende as coisas de Deus.

Vaguinho diz que ter nascido no Natal é especial e abençoado e que uma das maiores lições deixadas por Jesus Cristo, e que faz questão de se desafiar para exercitar, é a humildade.  Quanto a ter sido um presente de Natal para sua mãe, diz que ela achou maravilhoso. “Mãe é mãe, né?”.

 

Ultimas Notícias